Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Encontro promove troca de experiências entre os dez campi do IFMS

Extensão

Encontro promove troca de experiências entre os dez campi do IFMS

Estudantes e servidores extensionistas, coordenadores de Extensão e Relações Institucionais nos campi e gestores ficam reunidos até esta quinta-feira, 17, em Três Lagoas.
por Osvaldo Sato publicado: 16/05/2018 13h46 última modificação: 16/05/2018 13h46

Servidores e estudantes debatem formas de relacionamento do IFMS com as comunidades dos campi - Fotos: Amanda Sampaio

O Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS) realiza até esta quinta-feira, 17, a primeira reunião presencial das Coordenações de Extensão e Relações Institucionais (Coeri) dos dez campi da instituição. O encontro também tem a participação de estudantes e servidores extensionistas e de representantes da Pró-reitoria de Extensão (Proex).

A reunião, que teve início nessa terça-feira, 15, busca promover a troca de experiências entre todos os envolvidos nas atividades de extensão do IFMS.

O pró-reitor de Extensão do IFMS, Airton Vinholi, destaca a importância dos encontros presenciais. "Nossa intenção é que as reuniões dos Coeri sejam realizadas no maior número possível de campi, para conhecermos a realidade local, o trabalho dos coordenadores e a atuação dos servidores e estudantes extensionistas", afirmou.

"Nossa intenção é que as reuniões dos Coeri sejam realizadas no maior número possível de campi, para conhecermos a realidade local, o trabalho dos coordenadores e a atuação dos servidores e estudantes extensionistas", afirmou o pró-reitor de Extensão, Airton Vinholi.

A programação do encontro prevê a realização de visitas técnicas e reuniões para tratar sobre temas como editais de seleção, apresentação de ações exitosas, estágio, diversidade e inclusão, entre outros.

A coordenadora de Extensão e Relações Institucionais do Campus Três Lagoas, Daniella Silva, reforça o aspecto positivo da troca de experiências. "O trabalho extensionista não pode ser isolado e, por isso, a troca é tão importante, para que todos os campi do IFMS possam ter uma extensão que caminha junto, de forma coesa", afirmou.

O pró-reitor lembra que nos últimos dois anos foram construídos  fluxos, regulamentos e políticas de extensão, e que o encontro é importante para se discutir os resultados obtidos e alinhar as próximas ações.

"Agora, podemos verificar a viabilidade desses modelos, analisar os resultados, o que está dando certo, como está acontecendo a extensão nos campi", destacou Vinholi.

Programação - Na manhã desta quarta-feira, 16, os participantes fizeram uma visita técnica à escola Escola Municipal Olyntho Mancini. Também estão previstas apresentações de atividades de extensão desenvolvidas no campus e de ações exitosas na área.

À tarde, serão realizados debates sobre procedimentos e fluxos de editais, inclusão e diversidade, e demonstração de procedimentos de extensão do campus.

Na quinta-feira, 17, serão realizadas tratativas sobre estágio e oficina sobre acordos de cooperação, além de reuniões paralelas entre gestores da instituição, em áreas relacionadas à extensão.

Extensão - A extensão no IFMS é gerida pela Pró-reitoria de Extensão (Proex), responsável por elaborar e acompanhar as políticas e diretrizes das atividades de extensão, de estágio e de acompanhamento de egressos, além de promover ações de inclusão, acessibilidade e diversidade.

Também são competências da Proex contribuir em ações institucionais de responsabilidade social e ambiental, bem como articular parcerias para o desenvolvimento de atividades de ensino, pesquisa, extensão e gestão.

Ao longo dos dez anos do IFMS, diversas atividades de extensão tornaram-se notórias nas localidades onde estão os campi da instituição. Algumas delas entraram no calendário da instituição, como os eventos Semana do Meio Ambiente, os Jogos do IFMS e o Festival de Arte e Cultura.

"A cada ano aumenta em nosso campus o número de atividades de extensão, sua qualidade e também o interesse de professores e estudantes", destacou a coordenadora Daniella Silva.

No campus Três Lagoas, são realizadas atividades de extensão, como eventos, cursos e projetos. A prioridade das ações é atender à comunidade externa e contar com a participação de professores, técnicos-administrativos e estudantes.

"A cada ano aumenta em nosso campus o número de atividades de extensão, bem como a qualidade e o interesse de professores e estudantes", destacou a coordenadora Daniella.

Dentre as atividades do estão cursos nas áreas de robótica, arduíno, metodologia de pesquisa e formação de professores e estudantes; quanto aos projetos, estão grupos de dança de salão, grupo de estudos sobre diversidade étnico-racial, de literatura, de música e de filosofia.

Há ainda a realização de eventos de extensão, nas áreas de direitos humanos e justiça, tecnologia da informação, cultura e educação.

registrado em: ,