Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2020 > IFMS premia melhores trabalhos das feiras científicas

Semana de Ciência e Tecnologia

IFMS premia melhores trabalhos das feiras científicas

Cerimônia ocorreu na sexta-feira, 23, com uma transmissão ao vivo pelo canal oficial da instituição. Foi premiado o melhor trabalho de cada feira
por Cleyton Lutz publicado: 27/10/2020 10h39 última modificação: 27/10/2020 16h00

O Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS) promoveu na sexta-feira, 23, uma cerimônia virtual de premiação dos melhores trabalhos das dez Feiras de Ciência e Tecnologia promovidas pelos campi. A atividade marcou o encerramento da Semana de Ciência e Tecnologia (SCT), realizada virtualmente em virtude da pandemia.

A cerimônia foi transmitida pelo canal do IFMS no YouTube e teve a participação dos coordenadores da SCT, das feiras científicas e de Pesquisa e Inovação dos campi. 

Com a nova dinâmica adotada, os participantes das feiras gravaram vídeos apresentando os trabalhos desenvolvidos. Aos interessados também foram disponibilizados resumos das pesquisas.

No total, participaram mais de 500 trabalhos feitos por estudantes do ensino fundamental, médio e técnico integrado, de escolas públicas e privadas do estado. 

Premiação – A definição do melhor projeto de Aquidauana (Feciaqq), Campo Grande (Fecintec), Corumbá (Fecipan), Coxim (Fecitecx), Dourados (Fecigran), Jardim (Fecioeste), Naviraí (Fecinavi), Nova Andradina (Fecinova), Ponta Porã (Fecifron) e Três Lagoas (Fecitel) foi feita pelos avaliadores. Ficaram com o primeiro lugar geral os trabalhos de nível médio com maior nota média em cada município. 

A comissão avaliadora foi composta por professores e pesquisadores de universidades, institutos federais, escolas públicas e privadas, instituições de pesquisa, entre outros órgãos.

“Há sete meses, começamos a preparação para as feiras, na dúvida se faríamos mesmo os eventos em virtude da pandemia. Quase no mesmo período tivemos a confirmação da Febrace em formato virtual. Então decidimos transformar nossa dúvida em um desafio a ser superado”, destacou o diretor de Pesquisa do IFMS, Pablo Salomão, durante a cerimônia. 

Os campi adotaram modelos específicos de avaliação, sendo que em algumas feiras foram feitas reuniões virtuais entre o avaliador e os autores do trabalho. Já em outras, os avaliadores receberam o material do trabalho (resumo expandido, o relatório e o vídeo de apresentação) para análise do projeto.

Antes dos vencedores das feiras, os campi premiaram os três primeiros lugares de nível médio (por área do conhecimento) e de ensino fundamental (geral), além do melhor vídeo e relatório. 

“Há sete meses, começamos a preparação para as feiras, na dúvida se faríamos mesmo os eventos em virtude da pandemia. Quase no mesmo período tivemos a confirmação do cancelamento da edição presencial da Febrace [Feira Brasileira de Ciências e Engenharia] e a mudança para o formato virtual. Então decidimos transformar nossa dúvida em um desafio a ser superado”, destacou o diretor de Pesquisa do IFMS, Pablo Salomão, durante a cerimônia. 

A relação dos trabalhos premiados nas feiras pode ser conferida ao final deste texto.

Hackathon IFMS 2020 – Durante a cerimônia, também foi divulgada a equipe vencedora do primeiro hackathon do IFMS.

A maratona de trabalho em equipe, voltada à descoberta de soluções a partir do uso da inteligência artificial, foi realizada entre os dias 16 e 18 de outubro. A competição reuniu 85 estudantes do ensino médio e superior de sete campi, divididos em 17 equipes. 

Os vencedores foram os integrantes da Equipe 4, formada pelos estudantes Jeferson Mota, João Pedro de Carvalho, Gabriela Leitão, Guilherme Nakazato e Matheus Gomes, do curso técnico integrado em Informática do Campus Aquidauana, sob tutoria da professora Márcia Cristaldo. 

A equipe buscou uma solução para o problema da insegurança na rotina das famílias brasileiras criando uma inteligência artificial chamada “James”, capaz de identificar a rotina dos usuários, criar padrões e construir uma rede de segurança.

Cada estudante da equipe vencedora recebeu um kit de computação embarcada de alta performance, com valor aproximado de R$ 5,6 mil. 

“O objetivo era propor uma maratona de ideias que pudesse gerar um grande impacto nos nossos alunos. Nos três dias, os participantes passaram por capacitações e tiveram os trabalhos avaliados por uma banca, composta por membros externos e voluntários”, explicou a diretora de Empreendedorismo e Inovação, Ivilaine Delguingaro. 

Semana de Ciência e Tecnologia – Promovido anualmente pelos dez campi do IFMS, o evento teve como tema este ano: "Inteligência artificial: a nova fronteira da ciência brasileira". 

A programação da SCT incluiu cursos e palestras virtuais, o Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica (Semict), a Feira do Empreendedorismo, Inovação e Economia Solidária, olimpíadas de conhecimento, além das feiras científicas.

O evento foi realizado em consonância com a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, promovida pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicação (MCTIC), e que ocorre em todo o país.

Melhores trabalhos das Feiras de Ciência e Tecnologia do IFMS

Campus Trabalho Autores
Aquidauana pHreader (pH Reider): um aplicativo para auxiliar na determinação do valor de pH utilizando redes neurais Jeferson dos Santos Mota/Adrian Antunes Pereira/Leandro Magalhães de Oliveira
Campo Grande Recife de Corais Beatriz Franceschi Talgatti Silva/Gabriel Piovesani/Edson dos Santos Pereira
Corumbá Resíduo descartado pela Siderúrgica de Corumbá - MS como potencial para reaproveitamento na construção civil Manuela da Silva Carvalho/Robson Fleming/Felipe Fernandes de Oliveira
Coxim Desenvolvimento de uma armadilha luminosa utilizando energia solar para captura de pragas agrícolas em lavouras de soja Gerson Pereira Neto/Ramon Santos de Minas/Hugo Eduardo Pimentel
Dourados Guaruak: uma aplicação web para tradução de línguas indígenas Andressa Camargo Rocha/Libni Alvarenga Vasques/Isaías Valério Avila/Evandro Luiz Souza Falleiros/Carmem Silva Moretzsohn Rocha
Jardim Sistema automatizado para monitoramento e atuação no cultivo de vegetais em ambientes controlados Sara Vitoria Ferraz/Rafael Felix Carneiro/Marcelo Christiano da França Júnior
Naviraí O controle de acesso nas instituições: uma abordagem sobre a automação de ambientes escolares por meio de impressão digital Andrieli Camargo Antoniassi/Leandro Madeira de Oliveira/Maximilian Jaderson de Melo
Nova Andradina Vale Serviços – uma aplicação de busca de prestação de serviços domésticos para Nova Andradina e região Caroline dos Santos Oliveira/João Vítor Ribeiro Lima/Fernando César Balbino/Yasmine Braga Theodoro
Ponta Porã Desenvolvimento de inseticidas, aleloquímicos e repelente no manejo integrado de percevejo Kethelyn Rodrigues Santos/Daniela Penzo Barcelos/Lucas Matheus Aleixo Marques/Roberto Medeiros Silveira/Elmo Pontes de Melo
Três Lagoas Sistema de rastreamento solar utilizando sistema de posicionamento global Sarah Monique Nunes/Domingo Dias/Thaina Rodrigues Diez da Paz/Diogo Ramalho de Oliveira